quinta-feira, 4 de junho de 2009


A melhor maneira de me acalmar quando só me apetece arrancar o couro cabeludo a um puto, é pensar no meu sobrinho e imaginar que é ele que ali está. Depois, saio da escola, chego a casa, ligo à minha mãe, e ouço-o dizer Tiaaaaaa assim que a minha mãe atende. E passa-me tudo.

5 comentários:

Formiguinha disse...

E há lá coisa mais terapêutica???
Sabes que maus instintos todos nós temos... a forma como os controlamos é que faz de nós pessoas melhores ou piores!

Bêjos

entremares disse...

Por isso é que eles às vezes fazem aquelas caras... ( beicinho ) e depois levam sempre a deles avante...

Bom fim-de-semana...

Bxana disse...

Infelizmente...não tenho sobrinhos :(

(neura/neura/neura...)

bluefox disse...

Essa é a grande diferença entre sobrinhos e filhos. É que os sobrinhos quando estamos fartos deles vao para casa da mae deles, os filhos veem para a nossa...
Tou que nem posso! Oh Deus!
Beijos

Zeca disse...

É muito mais fixe quando ele diz Padinhoooooooo hehehehe!!

Beijos e abraços