sexta-feira, 7 de setembro de 2007

Se a minha mãe se lembrar de ler o blog vai ser giro vai


Caros leitores:


Vocês sabem que eu não sou má pessoa. Vocês podem até afiançar que eu sou uma jóia de miúda que não diz mal por dá cá aquela palha. É ou não é? Eu respondo, não se macem. "És pois!" Pront's, estamos entendidos nesse aspecto, certo? Certo!

Ora eu já tive oportunidade de vos fazer chegar algumas características aqui dos Fimdemundenses, mas julgo que nunca vos falei de uma mania que esta gente tem que me escapa por completo.

Passo então a explicar.

Uma das ruas principais do Fim-do-Mundo é também a rua do antigo cemitério. Esta rua é bastante concorrida por pessoas a caminho das freguesias de Nenhures e Cú-de-Judas. A meio está então a mercaria (muito esquisita...para não dizer assustadora) que tem um passeio que serve de parque de estacionamento, centro de dia e esquina das futricas para as velhotas das redondezas (isto é, da terra toda). Uns 20 metros adiante está o belo do "cemitério velho" em oposição ao óbvio "cemitério novo"...

Portanto, são 8 da manhã e a ti Jaquina pega no seu papa-reformas ou no seu peugeot novinho em folha (outra questão que me assola: porque raio têm todos os reformados desta terra, o carro que deveria ser MEU?) e vai comprar as nabiças para a sopa e o pãozinho para o almoço. Pára o carro à porta e vai comprar as suas coisinhas. É mais ou menos por essa hora que aqui a Mariazinha pensa em levantar-se e ir comprar mantimentos. Quando já me encontro de rabo no carro, está a D. Jaquina-uma querida, uma jóia- a pôr o Peugeot azul escuro, brilhante, com aqule som giro...enfim... a trabalhar. Quando eu estou a passar em frente ao passeio-que-serve-de-parque a nossa querida amiga atravessa-se à minha frente, obriga-me a travar, entope o trânsito na rua toda, e ao fim de 10m de manobras que ninguém percebe a utilidade, lá mete o carro direito. Ao fim de muito suspirar e bufar e tudo e tudo, lá sigo viagem...por 20 metros! Porque a D.Jaquina guina o carro para a esquerda (tipo, atravessa-se na rua) para ver na vitrine que se encontra na porta do "cemitério velho" quem morreu!

Para a próxima rezo para que seja ela.


Ainda me hei-de debruçar sobre a questão dos 4 piscas.

Perguntinha de algibeira.

Quando é que se deve carregar no triângulozinho laranja-avermelhado que se encontra no tablier do carro:


a) Quando somos obrigados a imobilizar o veículo sem razão aparente. Tipo fila de gente numa ponte que não há meio de acabar de sofrer obras disto e daquilo.


b) Quando vamos ao Multibanco. Mesmo quando há um parque a 10 metros do local. Porque somos uns grunhos do pior e gostamos de espetar com a pick-up cheia de cromados no meio da rua mais moimentada do Fim-de-Mundo. E porque os piscas reflectidos nos cromados ficam bem catitas.

17 comentários:

Thunderlady disse...

Calma?! Para quê? Grrrr... é por estas e por outras que sou conhecida por "mau-feitio".

Olha, passei-te uma corrente.

Beijinho

Thunderlady disse...

Já agora: sê uma menina preocupada com os teus vizinhos e propõe à Ti Jaquina devia ir a pé. Fazia-lhe muito melhor à saúde! (E pelos vistos não só à dela mas tambémà dos outros...)

maria cunha disse...

aposto como ganha a hipótese b!!!

beijo

Cruxe disse...

O triangulozinho laranja-avermelhado, como tu chamas, se for num *ai* *ai* Peugeot 307 SW *ai* *ai* (que, não sei se dá para perceber, é a minha paixão de carro), não precisas sequer carregar porque aquilo acende sozinho quando fazes uma travagem brusca.

É daquelas merdinhas que ficam giras e tal nos nossos carros, mas chegamos à conclusão que têm mesmo muita utilidade nos carrinhos das Donas Jaquinas desta terra.

Para sempre, Maria disse...

thunderlady:

A buzina do BX pertenceu a um Mercedes 220D de 1814, pelo que imagina o pulo que eles mandam!
EHEHEEH
beijo e obrigada pela corrnete
Só vou continuá-la para a semana...
beijo

Para sempre, Maria disse...

maria:

De certezinha!
É que não percebo...
beijo

Cruxe:

Olha que mimo!Lá está! Eu sou uma gaja cheia de bom-gosto.
beijo

Dina disse...

Tu és sim uma gaija com muito mau feitio...isso é que é!!
Tadinha da d. Jakina, a srª nasceu lá no fim-do-mundo, tem todo o direito de fazer isso e muito mais e quem não gostar que vá para o fim-do-mundo deles...e mainada!
Sabes porque é que ficaste assim?? A inveja é um sentimento muito feio D. Maria!! Ai,ai!!
(xiii deixa-me sair daqui rapidamente antes que me atire o Lucas Meirelles e ele me arranhe toda)

cris disse...

isso é realmente frustrante!...

Batz disse...

Eu, então, conheço uma sra que deve achar que esses piscas só servem para a época de Natal, para fazerem conjunto com as luzes da árvore de Natal.
Sim, porque ela simplesmente nunca os utiliza, "estaciona" o carro no meio de uma rua com apenas um sentido e limitasse a esperar que alguém buzine, e aí sim, ela levanta-se do seu confortável sofá e digna-se a tirar o veículo.
Tás a ver no fim tiveste sorte...
lol (ups)
Bjs

Rita disse...

Mas tu já devias saber que Fim-de-Mundo tem um código da estrada específico e que só está em vigor nessa zona do país. Tens que te informar!!!
Jokas

Daniela disse...

oi! adoro o teu blog, adoro o teu sentido de humor, adoro mesmo!

continua assim!

jitux

Azul disse...

Eu também voto no ir a pé.


Que vos aconteceu?

Zangaram-se d vez?

Gata Verde disse...

Toca a andar a pé!!
Muito bom.
bj

Diabba disse...

Tens que joga no loto, dp compras um autocarro e vais para a estrada estorvar tb essa malta! A ver se gostam!

beijo d'enxofre

Formiguinha disse...

Muito fixe!!!

Já te disse que adoro a forma como escreves???? Se calhar não! mas fica dito!

Bêjos

Miss Alcor disse...

LOL!!!!!!
Já oivi muita coisa, mas parar para perguntar quem morreu, sem estacionar o carro, é a primeira!
Maldita gente!

Quanto aos 4 piscas... claramente para ir ao multibanco! é o que todos fazem aqui na rua mais movimentada da minha terra, e se buzinarmos, ainda têm mais que dizer!

Para sempre, Maria disse...

Meus caros:

Obrigada pelo fedback. Pelo que vejo não sou eu a maluca. São mesmo ELES!
Beijo a todos e desculpem a ausência.