sexta-feira, 26 de outubro de 2007

É que eu já estava mesmo a ver!


Estes putos superam-se a cada ano que passa. Não sei qual é o treino a que se submetem. Se os põem a correr nus pelo campo cheio de geada, se os obrigam a nadar na barragem às 6 da manhã. Mas o que é facto é que as criaturas já andam todas ranhosas. É incrível!

E depois vai de bejufas e abraços e o que é que isto dá? Constipação geral.

Portanto, tenho um cesto XXL de roupa para engomar (a tal que já olha de esguelha para mim...), aulas para planificar, explicações no fds e o corpo não me obedece. Estou para aqui a arrepiar-me, a tossir e a expelir coisas pelo nariz...um nojo.

Vou enviar estes recados aos pais:


Senhor Encarregado de Educação (com maiúsculas e letra maricas):


Mandar uma cachopa para a escola de sandálias em dia de nevoeiro parece-me um bocado (como hei-de dizer...) estúpido. O senhor, pelos vistos, tem uma opinião divergente. Portanto, se eu tiver de faltar ao trabalho envio-lhe a conta da farmácia e o valor dos dias de trabalho perdidos.


Senhor Encarregado de Educação:


É cá uma ideia, mas se o miúdo está com febre às 8 da manhã, não acha a ideia de o deixar na escola uma decisão um tanto ou quanto parva?
Eu acho.
É que você não falta ao trabalho para cuidar do seu filho. Mas eu vou faltar ao meu, porque vou levar com o belo do vírus. O filho é seu ou é meu? Hum?


E hoje vou comer porcarias. Batatas fritas e pão!

20 comentários:

fi disse...

N�s somos professores e pais, temos que abarcar com tudo; e se a crian�a chega constipada a casa, a culpa claro que � nossa. Acho que n�s j� n�o exitimos ou ent�o somos super.

Para sempre, Maria disse...

Somos é uns cromos que não ligamos ao pai a avisá-lo de que tem de vir buscar o puto. No ano passado uma miúda estava cheia de febre, ligaram às 10 da manhã a avisar a mãe. Ela não atendeu o tlm até às 3 e meia!
Há com cada uma...

o_cao_que_morde disse...

Um tipo que se diz artista provocou a morde de um cão numa exposição
Existe uma petição na Internet, com mais de 92 mil assinaturas, a exigir que ele não representar o seu país, a Costa Rica, na bienal de arte centro-americana de 2008
está tudo no meu Blog – O Cão que Morde
assina a petição e divulga

Azul disse...

E fazes tu muito bem!

Tou contigo a 100%!
Em tudo, mas sobretudo nas batatas fritas...com sabor a presunto, que tu tanto gostas!!!!

( e por, falares nisso, mais uma vez- !!!!- chego a casa e deparo com um recado por escrito da escola a dizer , ora deixa lá ver o que é que diz, ah sim, " INFORMA-SE OS E.E. que apareceu no jardim de infância um caso de parasitas.Assim deverão os E.E. tomar as devidas precauções, no sentido de evitar um possícel contágio".
Ora, eu, claro fiquei toda contente.Porque lá está a tal história:tal como os E.E. deveriam ter consciência em não mandar as criancinhas para a escola vestidas como se estivessemos nas Caraíbas , ou a cair para o lado de febre, aqui está outra coisita, coisa pouca,MAS QUE INFESTA TUDO E TODOS NUM ÁPICE, que deveriam ter em conta: não deixar as criancinhas irem para a escola com parasitas, seja lá de qu~e tipo forem!!!
Ora, os meus , o ano passado, exactam~ente por esta altura, apanharam uma churreada deles, e propagou-se a mim e ao azulão! foram 3 MESES!!! 3 MESES para desparasitara aquela m******!!!! Foram rios de guito para os produtos de toda a espécie.Os meus, estiverem 1 semana em casa, até que a situação passasse de parasitões a parasititas.Mas a criançinha que lamçou o roquet, continuou a ir á escola e a passar aos restantes a parasitagem toda!
E a minha pIruca??? NEM QUEIRAS SABER COMO ELA FICOU!!!! que raiva!)

Azul disse...

...ah, se eu apanhasse os papás do portador, havias de ver!

Teresa disse...

Somos duas. Ao fim da tarde comecei a sentir-me esquisita (nota que não é Eskisita...), arrepios de frio, os olhos lacrimejantes, o corpo moído. Os típicos sinais de gripe. Já estou em pijama e com o meu roupão tão quentinho, vou direitinha para a cama. Há um padrão para mim nestas coisas: é sempre à sexta-feira que começam. Dão-me cabo do fim-de-semana. Não têm importância nem gravidade nenhuma, só dão um mal-estar dos diabos. Vou pôr o termómetro só para confirmar o que já sei: estou com febre!

Damn!

Beijo enorme. Quando vêm vocês a Lisboa? A Famosa e a Diaba querem conhecer-vos, temos de fazer um jantarinho.

Teresa disse...

P.S. Diabba (ou Excomungada, para os íntimos).

Gata Verde disse...

Tens toda a razão,mas agora acalma-te e aproveita o fds para te pores de "molho".
Toca a beber muito chazinho de limão com carradas de mel.

As melhoras

wednesday disse...

Então enrola-te aí numa manta e rodeia-te de porcarias, senão isso não passa;)

Realmente os pais hoje em dia levam os filhos e os problemas para serem tratados na escola.

Andreia Videira disse...

Também estou a ficar cá com uma gripe...

Sabes o que um colega me disse? Que nós, os professores, deviamos ter direito à vacina da gripe gratuitamente uma vez que somos um grupo de risco por estarmos em contacto com crianças que tossem de qualquer maneira, vêm estado febril para a escola e etc. e etc.

pelos vistos tem razão!:)

beijinho e as melhoras

Petrusednem disse...

Os E.E., ou os Pais, hoje em dia não têm tempo até para falar em condições com os filhos, têm horários complicados para cumprir... Entram às 8H da manhã mas a "porcaria" da escola, creche ou centro de estudos só abre às 8H30!!!
É complicado... e com tudo isto, ao longo dos tempos começaram a ver a escola como um "depósito" para crianças, em que supostamente pelo menos durante o dia estão num sitio em segurança, com pessoas competentes (professores, auxiliares etc), zelosas e capazes de lhes transmitir instrução escolar e valores para a vida... isto tudo na teoria claro!

Os professores por sua vez, começaram a ver os alunos, as crianças - os nossos filhos, como umas pestes, vardinas, inimigos etc...
E no meio disto tudo quem sofre não´é o professor nem os Pais, mas sim as crianças...

Não sou professor de profissão, embora já tenha dado aulas, mas estou rodeado de professores, esposa professora, sogra e sogro professores e, ouço constantemente estas lamentações, desabafos ou lá o que for ... e às vezes nem sei o que pensar!!!
A culpa de tudo isto, não é dos Pais, não é dos professores nem é das crianças, é da sociedade em geral e do nosso estado!!!

Depois deste testamento com ou sem sentido, já nem sei, só me resta desejar-lhe as melhoras.

Bom fim de semana.

Nani disse...

Eu se tivesse um filho doente também o mandava para a escola!!! :P mas mandava uma embalagem de brufen para ele oferecer à professora!! :P

Restelo disse...

Bem, parece que desta vez a paciente és tu. As melhoras.

Azul disse...

Desculpem lá..

A Teresa está a convidar-vos para uma vinda a lisboa e para um JANTARINHO????
Quando nós temos ums JANTARADA preparada para dia 10, onde espero ENCONTRAR-VOS A VOCÊS, Á TERESA, Á DIABBA E DEMAIS???

Qual a parte da JANTARADA que vocês ainda não perceberam?!?

Conamos com vocês todos, VOCÊS, TERESA, DIABBA( embora ela se tenha zangado comigo) e todos, todos, muitos!

VAI SER BRUTAL!

Azul disse...

ah, e subscrevo por baixo o que disse o , como é que era o nome dele, pera aí, deixa-me voltar acima,PETRUS( qualquer coisa).

Petrus-qq-coisa não leves mal, mas que raio de nick!

ariba disse...

Pois é mesmo irritante não é? quando tens de faltar ao teu trabalho apenas em consequência de teres estado a fazer O TEU TRABALHO!!! Aconteceu-me uma situação parecida na semana passada quando fiquei afónica! E vê lá se adivinhas porque é que eu fiquei afónica?...

Beijinhos e as melhoras.
E força nessas batatas fritas!!!

Professorinha disse...

Como professora, nada mais natural do que tomar conta do belo do aluno doente... afinal foi para isso que tiraste o curso... ou não? Vai agora o pai ou mãe faltar ao trabalho para fazer isso?... Que ignomínia!...

;)

Dina disse...

Espero que já estejas melhor!!

Formiguinha disse...

Acho que tocaste exactamente na frida!

Mas, na minha opinião, o problema é da sociedade em que vivemos; os pais não têm tempo / disponíbilidade para cuidar dos filhos... Eu queria ver aqui...

Bêjos

Para sempre, Maria disse...

PESSOAL:

Obrigada pelo feedback e pelos desejos de melhoras. Não serviram de muito, visto estar mais ranhosa que eu sei lá, mas valeu!!!(ler com sotaque brasileiro, senão fica estúpido...)