segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Novas Oportunidades

A D. Maria Filomena Ramos, de 49 anos, tirou o 12º ano nas Novas Oportunidades e é quadro superior na PT. Não é maravilhoso, isto de uma pessoa poder progredir na carreira, subir de escalão lá no serviço, aprender a passar um texto no word?Tudo em mais ou menos 3 meses com direito a uma porrada de regalias...
Tenho de me inscrever nas Novas Oportunidades também. Quem sabe se não consigo ter um contrato de 1 ano, com subsídios e tudo?
Não, é melhor continuar nesta vidinha de licenciada e parar de sonhar com o 12º ano.

Lembram-se do meu trabalhinho secreto de há umas semanas? Pois bem, o que eu andava a fazer era simples: promoção da e-escolas para aquele animal australiano que por acaso é o nome de um prodto de internet. E o que é brutal, é que a promoção mais não era do que uma forma de informar as pessoas quanto ao e-escolas: alunos, professores e formandos das Novas Oportunidades, tudo com portáteis ao preço da chuva.
O que é absolutamente brutal (agora sim!) é que eu sou professora e não tenho direito ao fdp do portátil por não estar vinculada a uma escola ou agrupamento. Não é o máximo? Não tenho vínculo mas trabalho no mesmo sítio há 3 anos...E não tenho vínculo porque não me deixam. Quem? Adivinhem lá.
Mas, os senhores formandos, que tiveram uma formação de 60 horas de informática têm, porque fica bem que a D. Cesaltina saiba o que é um rato além de um animal.
Formandos esses, que transpiram conhecimentos de informática, e que me diziam pérolas como:
- A placa gráfica gasta-se, mas depois carrega-se?
ou
- Isto tem um vírus! Assim que ligo, aparece-me um panda! Sacanas da Optimus! Vou reclamar!

Sabem tanto daquilo como eu de um lagar de azeite. Mas fica bem.
E depois apareciam-me colegas meus na mesma situação profisssional (o belo do recibo verde) que pensavam que tinham direito ao portátil e não tinham. Sorriso número 23, palmadinha nas costas e é a vida...

6 comentários:

Formiguinha disse...

Agora já conhecemos o teu trabalho secreto!!!

És uma vendida e andaste a vender as medidas populistas do Socras e da Milu..... Maria! Sempre a subir na minha consideração.

Bêjos

Dina disse...

Vou-me inscrever nas Novas Oportunidades...porque se até agora cada vez que me candidatava a qualquer coisa me faziam sentir fora de validade...com estas oportunidades não tarda nada sou directora de qualquer coisa e daqui por uns tempos estou na lista das reformas milionárias...vai uma apostinha??

(mentirosos...burlões!!)

Azula disse...

Olha, Amoriiii, não sei que te diga, porque tenho cà a sensaçéao de que me vou repetir, và...

Eu ficava-me pelo 12° ano... e a seguir vinha fazer um brilharete para França com o meu Anglais!

Pilgrim279 disse...

Olá Maria... ou antes, Olá Sr.ª. Dr.ª. Maria. Assim está melhor! É mais correcto e mais educado.
Vamos por pontos:
Em primeiro lugar, não se usa Dona... se quiser pode usar Filomena, Mena, Filó, ou... Sr.ª. Dona! Bem sei que a boa educação não se consegue com o programa das Novas Oportunidades nem tão pouco com um curso superior como aliás parece ser o seu caso.
Em segundo lugar, não é bonito criticar de ânimo leve. Se tivesse tido o cuidado de procurar saber mais sobre a Senhora em causa, saberia que já era quadro superior da PT há dez anos, e portanto não é o 12º ano que a fará “progredir na carreira, subir de escalão ou aprender a passar um texto no Word”. E daí? E se fizer? A Sr.ª Dr.ª trabalha na PT? Corre o risco de ser ultrapassada? Não? Então confesso que não entendo muito bem... A inveja é um pecado muito feio!
Em terceiro lugar, para si tudo estaria bem se tivesse direito a um portátil... parece-me pouco! Porque não um portátil e uma impressora? Ou um portátil, uma impressora e um I-Pod? Um carro? Mas um carro, só se for de quatro portas e com ar condicionado, sim porque sempre é Licenciada, e... convém haver diferenças!
Creio que o problema será mais grave do que o direito a PC's, mas se essa é a sua reivindicação...
Julgo entender a sua insatisfação quanto à precariedade da profissão que escolheu; É de facto lamentável, que ao fim de 3 anos ainda não tenha sido vinculada, e mesmo sem avaliação de desempenho! Mas isso serão outros “sete e quinhentos”…
Por fim, creio que a Sr.ª Dr.ª sabe tanto do programa “Novas Oportunidades” quanto de Lagares de Azeite… E portanto, pelo menos tentar explicar o Programa "Novas Oportunidades":
Os candidatos terão mais de 23 anos, conhecimentos adquiridos ao longo de uma vida profissional activa, que lhes permitem enfrentar um desafio baseado num referencial definido e respectiva avaliação por professores (seus pares).
Quanto aos lagares… haja quem explique, porque eu agradeço…
Assina,
Nuno Montefalco
Social Democrata, Licenciado, Pós-Graduado e Desempregado

Joao disse...

Muito bem Sr. Nuno.

Quando à menina Maria, lamento a sua mentalidade...

...quero dizer... honestamente não quero saber mesmo.

Só gostava que não passasse esses ideais para os seus filhos, não quero que os meus um dia os venham aturar com queixinhas fúteis.

Joao disse...

*Quanto

PS: peço também que não impinja a mentalidade "e-eu-que-sou-professora-não-tenho-o-filho-da-puta-do-portátil" também aos seus alunos.