quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

O Esopo é que tinha razão

video

Hoje, estava um nevoeiro que não se via nada. Nada de nada. Eu, que dispensava estar a conduzir a horas absurdas e cheia de frio, lá vou contrariada, que tristezas (e moleza matinal) não pagam dívidas...

Estou a chegar a uma das aldeias por onde passo a caminho da terrinha onde trabalho, e no meio da estrada- que é absolutamente secundária, distingo um corpanzil enorme, parado. Era um rafeiro alentejano, todo molhado, estático no meio da estrada, com ares de curiosidade. Páro o carro, faço sinais de luzes, ele franze o sobrolho, e ali ficamos nós a olhar um para o outro. Ainda pensei em sair e fazer-lhe uma festinha, mas estava com o tempo contado, e resolvi esperar só mais um bocadinho, depois tinha de buzinar.

Entretanto, olho pelo espelho e vejo uma daquelas 4x4, tipo strada, ou navarra ou lá o raio. Ligo os 4 piscas e espero que o condutor tenha tempo de travar ao ver-me. Ele trava, lá isso trava. Um segundo depois, começa a buzinar que nem um maluco, assusta o cão, que ficou desnorteado. O pobre animal, pouco habituado que estaria a andar solto, resolveu correr à frente da carrinha, a olhar para trás, assustadíssimo. E ali fiquei eu, a gritar impropérios dentro de um carro fechado, com os 4 piscas ligados e a enregelar.

E digo eu, serei a única a achar que o senhor condutor merecia era ficar agarrado a uma bela de uma azinheirazinha? Hum?

O vídeo mais não é do que a cereja em cima do bolo...A prova de que os animais nos superam em muita, muita coisa.

3 comentários:

Pearl disse...

Ah pois...
Sinto uma reviravolta no estomago sempre que vejo algum animal atropelado... Condutores abusados estes!
Não não és a única a pensar que esse condutor deveria ficar agarrado à azinheira para a picture!

:o)))***

elvira carvalho disse...

Já conhecia o vídeo. E depois há quem diga que são irracionais.
O mês passado aqui perto da minha casa, uns 400m mais ou menos um idoso foi atropelado. Não só quem o atropelou fugiu e o deixou caído na estrada como dois carros que passaram depois lhe passaram por cima, deixando-o literalmente esmagado na estrada.
Um abraço

Restelo disse...

e que o animal mais feio é mesmo o Homem