quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Placas, pá! Ponham PLACAS!

Hoje, enquanto tentava descobrir uma escolita, para onde me mandaram dar uma hora, passei por uma placa que dizia Água de Ratas.
Percorri qualquer coisa como 40km e o único transeunte que me dá indicações diz-me tenha muita luz.
A única pessoa que andava naquela mesma estrada era um gajo em tronco nú numa casal.
Ao fim de uns 20km sem ver vivalma, dei com uma vanette (O meu pai vendia carros! Eu sei estas coisas...) perdida no meio dum pinhal, de mala aberta e NINGUÉM nas imediações. Senti-me tão perdida que pensei em parar e perguntar se era mesmo para ali a escola...mas não me apeteceu ser violada, espancada e deixada esvaída em sangue na valeta.
Onde é que eu tinha a cabeça quando preenchi aquelas bolinhas do impresso? Tanto curso jeitoso que havia...O que eu me fartei de gozar com Engenharia do Papel...

8 comentários:

Alf disse...

Foste dar aulas para um cenário de um filme americano?

Flávio disse...

Tu e a tua mania de gozar... Quem sabe se não podias fazer parte da, agora mundialmente famosa, equipa de cientistas da UNL que inventaram o transístor de papel?
I call it karma!
Muahahahahah

Dina disse...

Água de ratas??
E ainda gozam com o nome das terrinhas alentejanas??

Antes Cabeças de Carneiro ou coisas assim que água de ratas...
É nojento alguém perguntar onde vive e ouvir como resposta: Em Água de Ratas. Não acham?

Elvascidade disse...

É JÁ AMANHÃ . . .

www.cidadelvas.blogspot.com

Luazinha disse...

E achas que com um curso de engenharia do papel, irias ter estas histórias do arco da velha para nos contar!!
Népia...tiraste o curso certo e prontos!!!
Kiss e bom fim de semana

elvira carvalho disse...

Água de Ratas? Sempre há cada nome...
Um abraço e votos de bom fim de semana

Gaylord disse...

Adorei o teu blog!
Gosto do teu sentido de humor!

Formiguinha disse...

Maria,

Só mesmo tu para nos fazeres rir com uma aventura tão nacional... eu na outra semana fui dar formação a um sitio que se chamava "Mamarosa" e que ficava igualmente no cude judas, mas toda a gente me dizia... é já ali menina!!!

Bêjos