segunda-feira, 11 de junho de 2007

Há palavras que nos beijam...

A minha querida Teresa propôs-me um desafio bem giro e muito intelectual. E eu, como sou gira e intelectual vou aceitá-lo!eheheheeh(Escusam de vir com histórias de torresmos!)

Portanto, a ideia é dizer quais foram as minhas 5 últimas leituras. É certo que leio uns 3 ou 4 ao mesmo tempo...se não me agradarem ponho de lado, se por outro lado me prenderem a atençaõ leio tudo ao molho, mas dou especial tempo de antena ao que preferir.

Ora então cá vai disto:


-"Minto até ao dizer que minto" de José Luís Peixoto, é um registo diferente deste autor que não me canso de recomendar a toda a gente. É alentejano, jovem e brilhante. E professor, o que me faz pensar na capacidade que ele tem de se abstrair...


"A Resistente" de Miguel Ângelo...enfim...é asim...coiso...tipo...MAU!!!É no que dá comprar livros em saldo...mas fiquei surpreendida pela escrita. Digamos que o conteúdo não acompanha a forma. Não gostei, o que não significa que não haja quem pense o contrário.


"Confissões de uma liberal" de Maria Filomena Mónica, é uma compilação de crónicas muito incisivas desta autora que de parva não tem nada. O livro já está todo sublinhado. Pensei assinalar o que achasse interessante, dei por mim a sublinhar tudo. A visão dela sobre a educação é absolutamente imperdível.


"A língua da tua mãe" de Stephen Burgen, este é daqueles que ando a ler aos bocadinhos. É uma espécie de livro técnico sobre insultos e a respectiva evolução etimológica. Parece estúpido, mas é interessante e nunca se sabe, pode vir a ser útil saber mandar um islândes à &Y%$% ou ao %$#/&...ehehehehe


"Memórias de uma gueixa" de Arthur Golden, andei a fintá-lo até que me foi emprestado. Não é de todo um livro que me tenha marcado de forma indelével, mas aprendi bastante sobre a cultura japonesa e sobre aquilo que é ser gueixa.



Agora vou dizer os autores que não leio porque abomino:

- Laura Esquível, Nicholas Sparks, Margarida Rebelo Pinto, Danielle Steel. Estes são mesmo os "no-no".


E aqueles que DEVORO:


Saramago, Isabel Allende, Garcia Márquez, Tony Parsons, José Luís Peixoto, Michael Cunningham entre muitos outros.


E pronto, que me lembre, foram estes os últimos.

Ora, como não poderia deixar de ser, vou lançar o desafio ao Eskisito, à Dina, à Maria Cunha, à Bellatrix e ao Rafeiro Perfumado.

12 comentários:

Maria Cunha disse...

adoro essa capacidade que a maior parte das mulheres tem de conseguir executar várias funções ao mesmo tempo... adoro mesmo a minha amiga marta por conseguir prestar atenção a 3 conversas diferentes ao mesmo tempo...
eu saí ao meu pai... uma coisa de cada vez!... aceitei (obviamente) o desafio...

beijo

Maria Cunha disse...

ah! só um pormenor! adorei o título deste post.

Ninica disse...

Nada de histórias de torresmos...e toicinho, já pode ser!!!!????
Eheheh!!!
Pois foi...voltei!

Teresa disse...

Vou tentar não escrever muito, que eu tenho este maldito vício. I have a writin problem...

Sabes que acabo de descobrir que este desafio não só é divertido como enriquecedor? É que podemos colher sugestões uns dos outros! Fiquei já interessadíssima no Minto até ao Dizer que Minto. Também gosto muito da Maria Filomena Mónica, uma mulher notável.

Agora não gostares da Margarida Rebelo Pinto, a nossa Corín Tellado nacional... com esta é que me arrumaste. E não consigo perceber porquê! Ela escreve tããããããão bem!!!! (risinho à Mutley...)

Danielle Steel... Há uns anos a Bertrand deu-me um livro dela para rever, avisando logo que era preciso mexer na tradução, que estava muito má. O que eu penei! Cheguei a lamentar não estar a corrigir mais um livro de economia ou gestão. Mas vende aos milhões. Era a autora favorita da princesa Diana, que lhe devorava os livros todos. Não devemos dizer mal dos mortos, mas lá que isto não abona muito a favor do discernimento literário dela.

Já leste Cisnes Selvagens, Jung Chang? Se não, recomendo.

Um beijo.

Rafeiro Perfumado disse...

Começo a acreditar que a minha vida útil não vai chegar para tanto desafio... mas eu vingo-me! ;)

Maria Cunha disse...

convido-te para mais 5 palavras que te beijem...

beijo

Para sempre, Maria disse...

Maria:

Ainda bem que aceitas, mas também não esperava outra coisa!:)

Palavras que me beijam: Euromilhões!

Vou agora escrever um post com o teu desafio.

Beijo


Teresa:

Recomendo MESMO o José Luís Peixoto e já li os "Wild Swans" em Inglês no tempo da Escolinha...e achei um tanto ou quanto entediante...gostos. É uma saga daquelas, mas não me seduziu. Estranhamente, também o li porque o Professor de Língua Inglesa achou que eu gostaria de lê-lo. Enfim...

Ninica:

MAU! Vê lá se queres PORRADA!

Beijo


Rafeiro:

Delírios de grandeza, é???MAU, MAU!
Ah e tal porque o meu blog deu um livro e tal...deves pensar que o pessoal te vai começar a respeitar!

Beijo

Bellatrix disse...

eu que tenho andado tão desatenta a esta coisa dos bloghs dei por mim a ser desafiada.. ok.. assim será...

bjs

Morsa disse...

Leituras de qualidade. Pelo menos os escritores que tu admiras! Neles revejo alguns dos meus (Saramago e Cunningham, se bem que não suporte Allende e especialmente Márquez).
Também já li a Gueixa. Surpresa agradável não é???

Beijinhos grandes

Para sempre, Maria disse...

Ó Morsa:

Tu não digas mal da Isabelinha e do Gabi!!!Mau , mau!

Quanto à Gueixa...vencida, mas não convencida!

Beijo

Para sempre, Maria disse...

Maria:

Sais a o teu pai???Olha ...eu também, diz o Vitor que é por isso que sou tão bruta. BRUTA? EU???Onde é que eu deixei a moca???

beijo

Rafeiro Perfumado disse...

Achei! Sai na quarta, às 00:04! ;)